Alguns erros fatais minam ótimas iniciativas de inovação dentro de grandes empresas. Veja como evitar

Oi  ,

Tudo bem?

O título dessa semana parece apocalíptico, mas serve como mapa de alertas para quem está começando a trabalhar com inovação interna. Mas não temos só temas espinhosos (você pode se interessar pelo unicórnio zumbi, aliás).

Vamos lançar na próxima semana uma imersão para profissionais que queiram liderar a inovação em suas companhias. Um bootcamp intenso e prático para dar todas as ferramentas e expertise para profissionais inquietos e sedentos por inovação.

Se você quer saber mais em primeira mão, clique aqui.

12 razões para o seu projeto de intraempreendedorismo FALHAR

Intraempreendedorismo é um sonho de 10 entre 10 empresas que querem inovar. Criar novos negócios dentro de casa é um dos melhores jeitos de acompanhar a velocidade do mercado, ganhar e sustentar uma vantagem competitiva. 

Mas muitos desses projetos falham. E por uma variedade de motivos. Intraempreendedor de longa data, o hoje COO da ACE Arthur Garutti listou as 12 principais razões para um projeto intraempreendedor morrer

Dá para tirar algumas lições valiosas dessa lista (que cá entre nós, foge do padrão de "lista caça-clique" e tem de fato conteúdo profundo a respeito do tema). Leia aqui!

Estudo da semana: 4 cenários para o futuro

O Quartz (que aliás tem uma newsletter fantástica que trata dos temas mais diversos com uma profundidade ímpar) fez uma série de vídeos contando sobre como será o futuro.

Mas não é um exercício de "futurologia" vazio.

Eles entrevistaram uma série de especialistas em cinco áreas: dinheiro, trabalho, comida, casa e informação/mídia. Vale o click em cada um deles. 

Leituras da semana

# O unicórnio zumbi

zombiecornmed8_v2.png

A mitologia dos empreendedores acabou de ganhar mais um animal, mas isso não é tão legal assim. Agora, além dos unicórnios (startups com US$ 1 bilhão de valuation) e dos decacórnios (US$ 10 bilhões), agora existe o unicórnio zumbi! São as empresas que alcançaram a avaliação bilionária e ainda assim estão andando de lado ou morrendo. Esse artigo explica bem o que acontece nesse fenômeno. 

# Seria o Softbank o novo IPO?

O número de IPO's (Ofertas Públicas Iniciais de Ações, quando uma empresa abre capital) de tecnologia tem sofrido uma diminuição drástica neste ano. Isso porque o Softbank, o maior fundo de investimento do mundo (são mais de US$ 100 bilhões!) está protagonizando rodadas de aporte imensas em startups já muito bem desenvolvidas, e com isso diminuído o apetite dos empreendedores em buscar capital nas Bolsas pelo mundo. Pode ler mais aqui

# Todo mundo Nu

Os bancos tem mais uma coisa para se preocupar nesta semana: o NuBank anunciou a criação da NuConta, a sua versão de uma conta bancária - passando a competir em mais um produto além do cartão de crédito. A iniciativa corrobora mais uma vez com a tendência do esfarelamento de uma instituição financeira tradicional, competindo cada vez mais com fintechs especializadas em nichos (e eu nem mencionei as criptomoedas). Na semana passada mostramos este estudo a respeito.

Para terminar, uma última notícia boa: a ACE é finalista do Startup Awards, um dos maiores prêmios do ecossistema empreendedor brasileiro. O resultado sai nesta sexta-feira! 

Um abraço,

Felipe Collins
Marketing | ACE

#GoACETwitter | Facebook | LinkedIn | Instagram